Magazine

Guia da 3ª Idade #41

Description
Carga Tributária Federal Aproximada 4,65% acompanhando seu tempo www.guiada3aidade.com.br edição mensal digital ı ano 7 ı #41 ı Novembro ı 2019 Nutrição…
Categories
Published
of 174
All materials on our website are shared by users. If you have any questions about copyright issues, please report us to resolve them. We are always happy to assist you.
Share
Transcript
Carga Tributária Federal Aproximada 4,65% acompanhando seu tempo www.guiada3aidade.com.br edição mensal digital ı ano 7 ı #41 ı Novembro ı 2019 Nutrição cardápio do mês Saúde Audição Coração Guia de Diabetes saúde da mulher em outras palavras ❘ www.guiada3aidade.com.br /guiada3aidade /guia3idade deposiphotos.com/Monkey Business em outras palavras ❘ A coisa mais importante que os pais podem ensinar para os seus filhos é como viverem sem eles. Frank Clark, escritor diálogo informal ❘ Como poderia ser a vida... Uma viagem, mesmo as mais cur- tas, expressam uma outra visão de como poderia ser a vida, fora das li- mitações do nosso dia a dia. “Se a nossa vida fosse dominada por uma busca da felicidade, talvez poucas atividades fossem tão revela- doras da dinâmica dessa demanda – em todo o seu ardor e seus parado- xos – como nossas viagens”, escreve Alain de Botton em “A Arte de Viajar” (Ed. Rocco, www.rocco.com.br) 4 ❘ Guia da 3a Idade diálogo informal ❘ Tanto no Brasil do Interior como no Brasil à Beira-Mar, todo o dia, 365 ve- zes ao ano, há sempre um recanto a ser descoberto e conferido. Agora, em Novembro, até meados de Dezembro, a beleza do Interior e o fascínio do mar ainda não estão vi- vendo os dias da grande temporada. Mas já estão preparados. Vamos aproveitar a oportunidade e os pre- ços e o pouco movimento da baixa estação para por em prática o espírito aventureiro, despertar a curiosidade e a vontade de ser feliz viajando. Aqueles que realmente amam a vida são aqueles que estão envelhecendo. Sófocles, dramaturgo, morreu aos 91 anos em 406 a.C. 5 ❘ Guia da 3a Idade Anúncios As fotos de anúncios, incluíndo as de hotéis e pousadas, pertencem ao acervo dos anunciantes que são os responsáveis pela veracidade de todas as informações publicadas e Revista Mensal de Editor, pelo conteúdo, incluindo direitos au- Serviços, Reportagens, Projeto Editorial e Gráfico torais, textos, informações, desenhos, Viagens, Finanças, Qualidade de Vida Romolo Ciuffo crédito das fotos (nome do fotógrafo) Colaboraram nesta edição e identificação de seus autores, bem Formato digital como compromissos inerentes. Diagramação ano 7 -  # 41 ISSN 1984-6789 Novembro - 2019 Alexandre Paes Dias Guia da 3a Idade pretende ape- (Armazém de Criativos) nas instruir e informar o leitor, como Guia da 3a Idade aconselha Redação uma publicação de referência. Todas sempre o acompanhamento Dante Napolitano as informações nela contidas não de um profissional, não acei- Márcia Jancikic tem por objetivo substituir o aten- tando qualquer responsabili- Maryjanna Smolinska dimento profissional e tratamentos dade em decisão tomada por Michele Salerno médicos prescritos. essa ausência. Jornalista-Responsável Não implica que avalizem Guia da 3a Idade exime-se de Romolo Ciuffo Mtb 7635 esta publicação – nem o en- qualquer responsabilidade civil por dosso do editor – a menção Comercial eventuais danos causados, direta ou a organizações, profissionais, Vera Mattos indiretamente, por incorreções, omis- autoridades e empresas. Foto da Capa sões, veracidade, exatidão, exaustivi- deposiphotos.com/Alexander Raths dade, atualidade, alterações e/ou ou- Copyright tros prejuízos que venham a ocorrer pelo uso de informações publicadas. Todo material publicado – texto, fotos, mapas, tabelas e Guia da 3a Idade não aceita ilustrações – está protegido cortesias. As pesquisas obedecem a por copyright. Não pode ser EDITORA VIVA SEU TEMPO critérios jornalísticos. Ninguém está utilizado, reproduzido, apro- Rua Piraí, 267 autorizado a solicitar serviços, hos- priado ou estocado em sis- 05059-100 - São Paulo SP pedagem, passagem ou objetos, tema de banco de dados ou tel (11) 3834-1533 nem fazer viagens ou refeições, a processo similar em qualquer editora@guiada3aidade.com.br pretexto de produzir reportagens forma ou meio mecânico, ele- www.guiada3aidade.com.br para o Guia da 3a Idade, bem trônico, microfilmagem, fo- Guia da 3a Idade como propor a realização de even- tocópia, gravação, etc – sem não admite publicidade redacional. tos e similares. a autorização por escrito da Editora Viva Seu Tempo. nossas redes sociais Crédito de fotos Guia da 3a Idade se empe- nhou para identificar todas /guia3idade @guiada3aidade as fotos e ilustrações desta edição. A eventual ocorrência de falha ou omissão foi invo- /guiada3aidade /guiada3aidade luntária e será devidamente corrigida. www.guiada3aidade.com.br 6 ❘ Guia da 3a Idade lembrando bem... Tudo seria fácil se não fossem as dificuldades Barão de Itararé 7 ❘ Guia da 3a Idade pixabay.com/geralt Índice 50 10 saúde Cardápio do mês coração nutrição 8 ❘ deposiphotos.com/Alexander Raths visão saúde 30 Guia da 3a Idade saúde audição saúde exames 38 18 deposiphotos.com/Andrea De Martin pixabay.com/ GDJ deposiphotos.com/Erwin Wodicka 48 livros 73 Uma Grande Aventura Reprodução/Divulgação deposiphotos.com/sayu k E se você guia viver mais casas de de 100 anos? repouso 61 depositphoto.com/ Sean Prior Guia de Produtos Serviços 76 um país que o brasil desconhece 9 ❘ Guia da 3a Idade deposiphotos.com/Alexander Raths saúde ❘ coração AVC 10 ❘Guia da 3a Idade saúde ❘ coração não seja a próxima vítima 11 ❘ Guia da 3a Idade saúde ❘ coração Doença pode ser evitada na maioria dos casos a partir de cuidados básicos com a saúde 12 ❘ Guia da 3a Idade saúde ❘ coração Quando uma pessoa tem um acidente vascular cerebral (AVC), cada minuto é im- portante para salvar sua vida e diminuir a gravidade das sequelas. Ainda que o aten- dimento e tratamento à doença tenham melhorado significativamente ao longo dos anos, o famoso ditado de que “prevenir é melhor do que remediar” torna-se ainda mais válido nesse caso: é preciso, prioritaria- mente, dedicar-se à prevenção dos fatores de risco. pixabay.com/geralt 13 ❘ Guia da 3a Idade saúde ❘ coração Segundo a dra. Sheila Ouriques Martins, membro da Academia Brasileira de Neurologia, presidente da Rede Brasil AVC, vice-presidente da Organização Mundial de AVC e coordenadora da campanha mundial 2019, mais de 80% dos casos po- dem ser evitados pelos cuidados com os aspectos que ameaçam à saúde: ♥ preservar-se do tabagismo e do alcoolismo, ♥ controlar a hipertensão arterial, ♥ a diabetes, ♥ o colesterol alto e ♥ a arritmia cardíaca, ♥ praticar atividades físicas e ♥ manter uma alimentação adequada 14 ❘ Guia da 3a Idade saúde ❘ coração São as principais atitudes a serem toma- das para não ser a próxima vítima. “Muitas pessoas tem conhecimento dos métodos de prevenção, mas não praticam. Temos uma população cada vez mais obesa, sedentária, com uma dieta desequilibrada. A situação é muito preocupante”, alerta dra. Sheila. Ela afirma que certas doenças asso- ciadas ao AVC, como a hipertensão arterial, são assintomáticas, o que dificulta a procu- ra por ajuda médica. RISCÔMETRO DO AVC Para auxiliar na adoção de hábitos saudáveis pela população, a Rede Brasil AVC lançou no País, o aplicativo gratuito “Riscômetro do AVC”, que calcula a possi- bilidade de o paciente ser acometido pela doença e dá dicas pertinentes às mudan- ças no estilo de vida. 15 ❘ Guia da 3a Idade saúde ❘ coração No Dia Mundial do Combate ao AVC , a ideia da dra. Sheila é “unir vozes parar fa- lar sobre a doença e chamar a atenção das pessoas para esses cuidados primários”. O lema da campanha em 2019 é:  “1 em cada 4 de nós terá um AVC ao longo da Vida! Não deixe que seja você”. A ideia é chamar a população brasilei- ra para contribuir com a própria saúde. “A prevenção deve ser sempre prioridade. Queremos empoderar às pessoas para que elas reconheçam os fatores de risco e mu- dem os hábitos de vida. Só assim as chances de desenvolver um AVC diminuirão drasti- camente”, afirma. 16 ❘ Guia da 3a Idade saúde ❘ coração SAMU 192 Em situação de alerta, o ideal é chamar o SAMU 192 ou dirigir-se rapidamente ao hos- pital mais próximo. É importante destacar que, no Brasil, a campanha do AVC ocorrerá de 26 de outu- bro a 3 de novembro. Quem quiser participar de alguma forma pode se inscrever pelo e- mail contato@redebrasilavc.org.br. Outras informações e links para os vídeos de campanhas anteriores , vídeos e outras novidades serão disponibilizados no face- book e no site redebrasilavc.org.br sbdcv.org.br pixabay.com/geralt 17 ❘ Guia da 3a Idade Exames modernos focados na saúde da mulher 18 ❘ Guia da 3a Idade deposiphotos.com/Erwin Wodicka saúde ❘ exames 19 ❘ Guia da 3a Idade saúde ❘ exames No ano passado, o Brasil registrou 59,7 mil novos casos... Os testes genéticos já são uma realida- de e se tornaram um apoio para auxiliar as mulheres no diagnóstico precoce e na identificação de pré-disposição aos diversos tipos de cânceres. No Outubro Rosa, mês voltado à prevenção e à conscientização do câncer de mama, ressalta-se que, quan- to mais precoce for o diagnóstico, maior a chance de cura, com possibilidade de até 95%. Testes genéticos para investigação de casos com histórico familiar indicativo de câncer hereditário, seja por meio do sangue ou da saliva, pode auxiliar na prevenção, orientando quanto as medidas profiláticas com base no cálculo de risco. No ano passado, o Brasil registrou 59,7 mil novos casos de câncer de mama, de acordo com dados do Instituto Nacional de Câncer (Inca). Trata-se do segundo tipo de 20 ❘ Guia da 3a Idade saúde ❘ exames a tecnologia evoluiu, auxiliando no prognóstico do câncer ou de... neoplasia de maior incidência entre as mu- lheres, mais de três vezes a incidência do câncer de cólon e reto que vem logo atrás, com pouco menos de 19 mil casos regis- trados. Em 2017, cerca de 16 mil mulheres morreram devido ao câncer de mama. O gerente geral do DB Molecular, unida- de especializada do Diagnósticos do Brasil, Nelson Gaburo Junior, explica que a tec- nologia evoluiu, auxiliando no prognóstico do câncer ou de uma possível recidiva pa- ra aquelas que já estão em tratamento. “A medicina progrediu muito. Saímos de um simples teste de imagem ou marcador inespecífico e passamos para um teste que pode cobrir todo o perfil genético do pa- ciente. Nos últimos anos, tenho visto um aumento na procura destes testes genéti- cos tanto por parte de curiosos quanto a pedidos médicos”. 21 ❘ Guia da 3a Idade deposiphotos.com/Oksana Aleksiuk saúde ❘ exames Câncer de Mama, uma probabilidade que pode ser maior ou menor conforme fatores hereditários 22 ❘ Guia da 3a Idade saúde ❘ exames Após a realização de exames, os médicos indicaram... “O teste não faz a detecção do câncer, mas identifica as chances da doença se de- senvolver: - A apresentação de alterações no teste não é uma certeza de que have- rá o desenvolvimento do câncer, ele indica uma probabilidade que pode ser maior ou menor conforme fatores hereditários, ge- néticos e até mesmo o estilo de vida do paciente”. Em 2013, a atriz Angelina Jolie se subme- teu a uma mastectomia dupla para reduzir as suas chances de desenvolver câncer de mama. Em um artigo ao jornal The New York Times, ela contou que sua mãe lutou por mais de uma década contra o câncer e morreu aos 56 anos. Após a realização de exames, os médicos indicaram que ela ti- nha 87% de chance de desenvolver câncer de mama e 50% de desenvolver o câncer de ovário. “Assim que descobri ser essa a 23 ❘ Guia da 3a Idade saúde ❘ exames Mas ainda sentimos falta da consciência da população em fazer os exames preventivos como a mamografia... minha realidade, eu decidi ser proativa e minimizar os riscos”, afirmou no artigo. O caso de Angelina é notório e atraiu a aten- ção da população para a importância da prevenção. “Mas ainda sentimos falta da consciência da população em fazer os exa- mes preventivos como a mamografia ou mesmo os testes genéticos”. 24 ❘ Guia da 3a Idade saúde ❘ exames Alguns exames oferecidos no Brasil A técnica de sequenciamento massivo, capaz de identificar os genes associados ao câncer de mama, tem prazo de 15 a 30 dias. Eles são recomendados para casos de câncer na família, fatores hereditários ou ao perceber a presença de nódulos. “Isoladamente, não é aconselhável para to- dos. Os resultados devem ser interpretados junto ao clínico ou oncologista”. Sequenciamento e análise bioin- formática dos genes BRCA1 e BRCA2 – Cerca de 5 a 10% dos casos de câncer de mama e o de ovário estão associados a um componente hereditário, os genes BRCA1 e BRCA2 – não à toa, são tipos de doen- ças comuns antes dos 40 anos. A presença de mutações é suficiente para aumentar o risco de desenvolver essa modalidade da doença, além dos cânceres de ovário, prós- tata e pâncreas. 25 ❘ Guia da 3a Idade saúde ❘ exames MLPA dos genes BRCA1 e BRCA2 - De acordo com a literatura mais de 80% das va- riantes presentes nos genes BRCA1 e BRCA2 são detectáveis através da metodologia de sequenciamento. Entretanto, quando este é negativo, pode ser realizado o MLPA para investigar deleções e duplicações. Estima-se que este exame possa detectar a mutação patogênica em cerca de 10% dos casos. Mammaprint - Trata-se da avaliação do perfil de expressão gênica do tumor para classificar um paciente como baixo ou al- to risco de recidiva em um período de 10 anos. Um paciente classificado como de baixo risco possui chance baixa de recor- rência da doença. Portanto, um tratamento mais agressivo não trará benefícios reais e ele poderá ser poupado dos efeitos debili- tantes de uma quimioterapia. 26 ❘ Guia da 3a Idade saúde ❘ exames Detecção de papilomavírus humano (HPV) por captura híbrida – O método adotado pesquisa 18 tipos de HPV, respon- sáveis por causar 90% das verrugas genitais e 99% dos casos de câncer cervical, classifi- cando por alto ou baixo risco oncogênico. Detecção de Papilomavírus humano (HPV) sondas para tipos de alto risco – Há dois subtipos de HPV – o 16 e o 18 – responsáveis por 70% dos casos de câncer cervical. Dentre os 200 genótipos existen- tes, 50 deles são encontrados nas mucosas. Ao identificar a presença deles, consegue se determinar a avaliação de risco dos pa- cientes. “O objetivo de ambos é verificar se a paciente está infectada pelo vírus, para que, em caso positivo, seja realizado o tra- tamento, reduzindo assim as chances de desenvolvimento do câncer”. 27 ❘ Guia da 3a Idade saúde ❘ exames Detecção de ISTs por painel PCR mul- tiplex – O teste pesquisa seis agentes importantes sobre as Infecções Sexualmente Transmissíveis (ISTs) e suas possíveis conse- quências, como infertilidade masculina e feminina, além de simplificar o diagnósti- co de vaginites em mulheres e uretrites no homem. Ressalta-se que as ISTs são, em sua maioria, assintomáticas e de difícil detecção. Este painel pesquisa a presença de clamídia, gonorreia, a infecção Mycoplasma genita- lium e hominis, tricomoníase e uretrites. Os resultados devem ser interpretados junto ao clínico ou oncologista 28 ❘ Guia da 3a Idade Na vida, ao contrário do xadrez, a vida continua após o xeque-mate Isaac Asimov, escritor e bioquímico deposiphotos.com/SimpleFoto 29 ❘ Guia da 3a Idade pixabay.com/geralt saúde ❘ VIsão 30 ❘ Guia da 3a Idade saúde ❘ visão Diabéticos podem perder a visão 31 ❘ Guia da 3a Idade saúde ❘ VIsão Uma em cada onze pessoas no mundo tem diabetes No Brasil, de acordo com o Ministério de Saúde, houve um aumento de 60% no diagnóstico da doença entre 2006 e 2016. Mas o dado mais alarmante é que 50% dos pacientes desconhecem que têm diabetes. Isso preocupa muito o sistema de saúde, já que se trata de uma doença que, quando não controlada, pode ter muitos desdobra- mentos – a perda de visão é um deles. Até hoje, não há cura para a retinopatia diabéti- ca. Os danos causados pelo crescimento de vasos sanguíneos anormais, hemorragias e falta de oxigenação são permanentes. De acordo com o oftalmologista Renato Neves, diretor-presidente do Eye Care Hospital de Olhos, em São Paulo, embora a retinopatia diabética seja irreversível, é pos- sível prevenir essa doença ocular estando 32 ❘ Guia da 3a Idade saúde ❘ visão com os exames em dia, tanto de visão, quanto de sangue. Embora haja trata- mentos disponíveis, a prevenção ainda é o melhor remédio. Para quem descobriu a doença tardiamente, quando os olhos já começaram a ser afetados, o ideal é dar início o quanto antes a um tratamento a fim de evitar ao máximo a progressão da retinopatia.   Entre os sintomas mais comuns do diabetes, estão: vontade frequente de fa- zer xixi (com episódios de urgência), fome e sede em excesso, fadiga, perda de peso repentina, nervosismo e outras mudanças no humor. Geralmente, há uma combinação de sintomas. Mas o que vai ser fundamental para o diagnóstico da doença é um exame de glicemia para determinar a taxa de açú- car no sangue. "Os diabéticos sabem que precisam monitorar uma série de coisas, 33 ❘ Guia da 3a Idade saúde ❘ VIsão como o que comem e o que bebem, além de praticar exercícios físicos. O check up anual da visão é fundamental justamente para que os portadores da doença não deixem de enxergar no médio ou longo prazo. Esse cuidado pode prevenir até 95% da perda de visão relacionada à doença", afirma. Segundo o médico, o paciente diabé- tico deve dilatar a pupila todos os anos e se submeter a um exame ocular bas- tante minucioso. "Esse paciente pode apresentar problemas de visão a qual- quer momento. Daí a importância de um acompanhamento oftalmológico frequen- te. Como o comprometimento da retina pode ser assintomático, sem alterações na qualidade da visão, o exame de fundo de olho é fundamental para detectar pontos e vasos sanguíneos propensos a romper e 34 ❘ Guia da 3a Idade saúde ❘ visão desencadear hemorragia. É sempre melhor investir na prevenção do que correr atrás do prejuízo depois". Em termos de tratamento, estudos re- centes apontam para o sucesso das injeções intravítreas de antiangiogênicos em pacien- tes com retinopatia diabética. Somente em casos raros há complicações, como desco- lamento da retina, formação de catarata e aumento ou redução da pressão intraocu- lar. "O principal papel dos antiangiogênicos é a interrupção da perda de visão. Embora seja difícil recuperar a visão perdida, as injeções intravítreas impedem a progressão da doença, evitando que a pessoa acabe fi- cando cega. Com anestesia local e pupilas dilatadas, a injeção é aplicada diretamen- te no vítreo, camada gelatinosa localizada entre a retina e o cristalino", diz Neves. Esse 35 ❘G uia da 3a Idade saúde ❘ VIsão tratamento precisa ser repetido em in- tervalos regulares para atingir resultados duradouros. Além disso, o paciente deve usar colírios antibióticos durante cerca de trinta dias.  Ensaios clínicos demonstram melhora em até 34% da visão central e es- tabilização da visão em 90% dos casos. No mundo inteiro, a perda de visão por causa do diabetes tem aumentado as- sustadoramente. Nos Estados Unidos, o número de pacientes com retinopatia dia- bética aumentou 89% entre 2000 e 2010, atingindo 7,7 milhões de pessoas. No Brasil, 19 milhões de pessoas sofrem de diabetes e muitas nunca fizeram acompanhamento oftalmológico. Como a retinopatia dia- bética costuma atingir três em cada dez portadores da doença, pode levar à perda total da visão se não for tratada a tempo. Prof. Dr. Renato Neves, médico oftal- mologista e diretor-presidente do Eye Care Hospital de Olhos, em São Paulo 36 ❘ Guia da 3a Idade Não há nada no mundo, nem recompensa, nem castigo, o que há são as consequências Robert Ingersoll, ensaísta deposiphotos.com/Ruslan Huzau 37 ❘ Guia da 3a Idade saúde ❘ audição AUDIÇÃO Envelhecer bem é importante e os cui- dados com a saúde envolvem também a audição. Muitos experimentam algum grau de perda auditiva a partir dos 40 anos, mas os danos são maiores, geralmente, a partir dos 60 anos, devido à maior probabilidade 38 ❘ Guia da 3a Idade saúde ❘ audição prevenção desde cedo para se prevenir da surdez e dos males que ela pode trazer pixabay.com/ GDJ de degeneração das células ciliadas da orelha, responsáveis pela audição. Apesar disso, nem todas as pessoas dão à saúde auditiva a devida atenção, o que pode acarretar uma série de do- enças cognitivas, como a demência e a depressão. 39 ❘ Guia da 3a Idade saúde ❘ audição pixaba
We Need Your Support
Thank you for visiting our website and your interest in our free products and services. We are nonprofit website to share and download documents. To the running of this website, we need your help to support us.

Thanks to everyone for your continued support.

No, Thanks
SAVE OUR EARTH

We need your sign to support Project to invent "SMART AND CONTROLLABLE REFLECTIVE BALLOONS" to cover the Sun and Save Our Earth.

More details...

Sign Now!

We are very appreciated for your Prompt Action!

x